Formação /

Incertezas nas medições

I1-Incertezas em Laboratórios de Análise Química


21h
Lisboa
G. Massa Medeiros
NOVA DATA

Código: I1

Data

20, 21 e 22 de novembro
 
Objetivos
No final da ação de formação os formandos estarão:•Sensibilizados para as Metodologias de determinação de Incertezas nas Análises Químicas.
Habilitados para a implementação das referidas Metodologias à realidade do seu Laboratório.

 
Metodologia
Exposição de conceitos teóricos e das metodologias de cálculo da estimativa da incerteza.
Simulação e análise de casos práticos de cálculo da estimativa da incerteza com recurso a variados exercícios resolvidos em Excel.
 
Nota: Necessário trazer computador pessoal

Programa

1. ENQUADRAMENTO GERAL DO CÁLCULO DA ESTIMATIVA DA INCERTEZA
  • Incerteza e a NP EN ISO/IEC 17025.
  • Incerteza nos documentos legislativos
  • Documentação de Suporte
  • Erros e Incerteza
2. CONCEITOS TEÓRICOS FUNDAMENTAIS
  • Tipos de Incerteza
  • Fontes de Incerteza
  • Componentes de Incerteza
  • Incerteza padrão
  • Incerteza combinada
  • Incerteza expandida
  • Análise estatística dos diferentes fatores de expansão
3. CÁLCULO DA ESTIMATIVA DA INCERTEZA DE ACORDO COM A ABORDAGEM POR MODELOS
  • Análise do Guia GUM “Guide to the expression of uncertainty in measurement”
  • Diagramas de causa-efeito
  • Cálculo da incerteza padrão tendo como base a diferente informação disponível em laboratórios
  • Resolução de exemplos de cálculo da estimativa da incerteza comuns em laboratórios de química
  • Incerteza da Interpolação do ajuste linear e do ajuste quadrático.
4. CÁLCULO DA ESTIMATIVA DA INCERTEZA COM BASE NOS DADOS DE CONTROLO DE QUALIDADE E VALIDAÇÃO DE MÉTODOS
  • Análise do guia IPAC “OGC007”
  • Análise da Norma ISO 11352 e do guia Nordtest TR 537
  • Métodos da avaliação da componente da precisão
  • Métodos de avaliação da componente da justeza.
  • Cálculo da Incerteza combinada e da incerteza expandia.
  • Resolução de exercícios.
5. AVALIAÇÃO DA INCERTEZA COM BASE NA ABORDAGEM INTERLABORATORIAL
  • Avaliação com base no desvio padrão de reprodutibilidade definido na norma
  • Avaliação com base no desvio padrão de reprodutibilidade apresentado num EIL.
  • Resolução de exercícios
6. EXPRESSÃO DE RESULTADOS
  • Algarismos significativos
  • Processos de arredondamento
7. AVALIAÇÃO DA INCERTEZA E USO DA INCERTEZA NA AVALIAÇÃO DA CONFORMIDADE
  • Estatísticas usadas na avaliação da incerteza do laboratório
  • Uso da incerteza na avaliação da conformidade


Destinatários
Diretores e Responsáveis Técnicos de Laboratórios que pretendam aprofundar e desenvolver os seus conhecimentos no âmbito dos cálculos da estimativa da incerteza.

Voltar

PREÇO


€ 345.00 + IVA
Associado

€ 450.00 + IVA
Não Associado




Ficha de Inscrição
2013 © RELACRE - Todos os direitos reservados
webdesign by
EFNDT
Eurachem
Eurolab
ICNDT
IMEKO
UILI